Notícias

PES 2014: o início de uma nova era

A Konami Digital Entertainment revelou que o seu próximo título PES 2014 irá assinalar um novo começo para a popular série, com um motor completamente novo que permite o avanço mais abrangente da série PES desde o seu início.

A equipa PES Productions sediada em Tóquio tem vindo a desenvolver há quatro anos uma nova abordagem ao futebol e pode agora confirmar que o seu novo sistema utiliza o conhecido Fox Engine da Kojima Productions. A equipa ampliou e melhorou o Fox Engine para corresponder às exigências específicas e complexas de um título de futebol.

Baseado em seis parâmetros basilares, o novo sistema permitiu que todos os detalhes do PES 2014 fossem completamente reformulados, libertando-se de anteriores limitações e permitindo que a equipa PES Productions produzisse um jogo mais próximo da sua visão de recriar a emoção e variedade de um jogo de alto nível. O tema central da fluidez baseia-se no movimento constante de jogadores e mudança de posições que carateriza a abordagem moderna do futebol. A PES Productions viu como os jogos decorrem, como a individualidade de um jogador é essencial ao sucesso de uma equipa e como uma tática bem planeada pode ajudar uma equipa mais desfavorecida a apresentar proezas gigantescas.

Partindo da estaca zero, a PES Productions empenhou-se para reformular cada elemento do jogo, criando um novo padrão diferente e enérgico nos títulos de futebol. Além de um grafismo evidentemente melhorado e de animação contínua, o impulso do poder do novo sistema tem sido utilizado para redefinir a forma como o futebol é jogado num sistema doméstico. Desapareceram as limitações impostas por sistemas de animação e elementos de IA antigos; pelo contrário, o PES 2014 exibe um núcleo central que imita na perfeição a habilidade e a consciência que destaca os melhores jogadores do mundo dos seus pares.

PES 2014 new bannerSeis princípios fundamentais conjugam-se para estabelecer o PES 2014 como uma nova referência nas simulações de futebol, controlando tudo desde a forma como o jogador recebe e controla a bola, o aspeto físico da jogabilidade e a energia do dia do jogo: a agitação e a euforia ou o desânimo sentidos nos jogos importantes. Como tal, os principais pilares do PES 2014 são:

TrueBall Tech: pela primeira vez numa simulação de futebol, o PES 2014 centraliza tudo na bola, a maneira como ela se move e como os jogadores a utilizam. O primeiro toque e o controlo total da bola são o que distingue determinados jogadores de outros. A capacidade de não só conseguir compreender um passe, mas também conseguir antecipar uma jogada e saber o que é preciso fazer para conquistar terreno a um defesa que se aproxima. A TrueBall Tech permite ao jogador controlar ou evitar um passe utilizando o stick analógico com uma física baricêntrica pormenorizada que determina o deslocamento de peso do jogador e a altura e velocidade do passe, bem como a forma que o corpo do jogador irá assumir automaticamente para receber a bola.

Assim, o jogador assume o controlo total para determinar o ângulo do corpo na receção do passe, enquanto anteriores títulos de futebol apresentam ao jogador opções insuficientes. Pelo contrário, a TrueBall Tech significa que a bola pode ser recebida no peito ou na cabeça por cima de um adversário, atirada para o ar ou para um companheiro de equipa, embora o controlo do drible seja uma caraterística mais pessoal no novo jogo.

A série PES desde há muito que trata a bola como uma entidade individual, permitindo ao jogador uma grande liberdade para a atirar ao ar, correr até um marcador ou fazer passes triangulares curtos para ganhar terreno. A TrueBall Tech acrescenta ainda mais liberdade, com os movimentos do jogador a trabalharem em conjunto com os da bola, ao contrário de qualquer outro jogo de futebol. Os jogadores terão a possibilidade de controlar verdadeiramente a bola, utilizar o seu ritmo ou alterar o seu movimento para conseguirem dominar o controlo de bola no PES 2014.

O resultado é um jogo que oferece um controlo total de 360 graus dentro de vários metros à volta do jogador. Além de conseguir manobrar a bola com movimentos subtis, o jogador tem a capacidade de protege-la dos jogadores adversários, de utilizar controlos hábeis para os enganar e métodos intuitivos para dominar o controlo de bola.

–  Motion Animation Stability System (M.A.S.S.): o combate físico entre jogadores é uma parte essencial de qualquer jogo e o novo componente M.A.S.S. estimula o contacto físico entre vários jogadores em animações personalizadas que se sucedem continuamente umas às outras. Mais do que uma série de animações pré-configuradas que ocorrem em circunstâncias específicas, o M.A.S.S. atua instantaneamente em qualquer situação, estando a reação de um jogador que sofre uma falta totalmente dependente da direção e força com que for derrubado. Dependendo de fatores tais como o seu tamanho e força, os jogadores irão tropeçar mas imediatamente conseguirão recuperar se forem amparados, afastar os outros da bola e utilizar a sua estatura para bloquear a posse da bola.

As entradas tornam-se também mais essenciais na demanda do PES 2014 por realismo, com os choques entre jogadores a recorrerem à física TrueBall para assegurarem que a bola reaja como num jogo real. Quando os jogadores disputarem a bola, o resultado será a bola saltar para o ar ou ficar nos pés do jogador triunfante. Do mesmo modo, o PES 2014 tem agora mais estilos de entradas, em vez do recurso à rasteira clássica ou a cortes de carrinho e os jogadores têm de estudar as suas jogadas mais cuidadosamente para manter a pressão sobre o adversário.

A integração do elemento M.A.S.S. também facilitou novas melhorias nas situações de um contra um. Os embates individuais entre jogadores principais podem determinar o resultado de um jogo. Deste modo, foi atribuída especial relevância a estes embates no PES 2014. Os defesas irão exercer uma maior pressão sobre o jogador atacante, discutindo a posse de bola, recuando para limitar as oportunidade de passe ou travando o atacante. Do mesmo modo, os atacantes terão de tentar ultrapassar o defesa ao mesmo tempo que mantêm a posse de bola, fintando para ganhar vantagem, ou terão de passar, driblar ou rematar quando surgir a oportunidade. Isto resulta em jogos incrivelmente abertos, onde as caraterísticas e as capacidades dos jogadores passam para primeiro plano em disputas pessoais em todo o campo.

Heart: É difícil definir o que torna o futebol tão apaixonante. Não se trata de algo técnico, mas sim de algo emocional. Os jogos podem ser imponentes para as equipas visitantes quando as claques aplaudem a equipa adversária e atuam como o infame “décimo terceiro jogador”. O Heart do PES 2014 pretende recriar os efeitos das claques, tanto no jogador individual como em toda a equipa.

Cada jogador utiliza caraterísticas mentais além de estilos e capacidades de jogo e pode ser influenciado negativamente quando o jogo não lhe corre bem. No entanto, se um jogador não estiver a jogar bem, os seus companheiros de equipa podem juntar-se e apoiá-lo. De modo similar, um momento de brilhantismo individual pode produzir um efeito galvanizador nos companheiros de equipa. O efeito caldeirão de um estádio vibrante irá mostrar a disposição dos fãs, com efeitos sonoros completamente novos e com sistemas de IA deslumbrantes para criar uma atmosfera palpável de dia de jogo.

PES2014_Santos PES ID: O PES 2013 estabeleceu uma nova fasquia para o realismo, com a inclusão do sistema de ID do Jogador. Pela primeira vez, os jogadores podiam reconhecer imediatamente um jogador pelos seus estilos de jogo e de corrida fielmente reproduzidos. A forma como um jogador corria, se movimentava e distribuía a bola seria idêntica à do seu homólogo verdadeiro e o PES 2013 apresentou 50 jogadores que utilizaram este sistema.

No PES 2014, esse número será significativamente maior, com o dobro das estrelas apresentando animações e IA personalizadas.

Team Play: Através do inovador Combination Play do novo jogo, os utilizadores podem criar uma grande variedade de diferentes táticas em áreas-chave do campo utilizando três ou mais jogadores. Estes jogadores irão executar corridas sem bola muito diferentes para explorar buracos na defesa ou no meio-campo, utilizando os flancos, corridas em curva ou jogadas em sobreposição para se desmarcarem. Estas jogadas podem ser predefinidas para áreas-chave do campo, permitindo aos jogadores explorar fragilidades defensivas antecipadamente.

The Core: A PES Productions efetuou muitos anos de consulta com os fãs do PES e com os fãs de futebol para reproduzir os elementos principais da série e pode agora implementar uma grande diversidade de melhorias adicionais.

Visualmente, o jogo irá beneficiar de um incrível nível de detalhe, desde a construção dos kits até ao movimento facial e de um novo processo de animação que proporciona transições habilidosas entre jogadas, sem pausas ou restrições do controlo. Os estádios serão iguais aos verdadeiros, com a recriação das entradas para os campos e as multidões que se modificam durante o decorrer do jogo. O novo sistema também permite um novo efeito de mapeamento de luz, acrescentando um aspeto natural aos procedimentos. A fluidez do jogo foi também melhorada, com decisões táticas tomadas na hora e com a retirada de animações depois de acontecimentos específicos.

Pontapés livres e penaltis foram também radicalmente modificados. O controlo dos pontapés livres foi ampliado com a inclusão de corridas de distração e com a utilização agora ilimitada de passes curtos. Em contrapartida, os jogadores podem agora mudar a posição do guarda-redes para o pontapé, enquanto a barreira irá reagir instintivamente ao pontapé para defender ou desviar a bola.

Os penaltis utilizam agora uma linha-guia que se modifica de acordo com a capacidade do jogador e com o local onde ele pretende colocar a bola. O guarda-redes pode agora optar por se mexer antes do pontapé, pressentindo quando o marcador do penalti não está muito forte.

O PES 2014 irá também assinalar a primeira comparência da Liga dos Campeões da Ásia, acrescentando um grande número de clubes oficialmente licenciados à competição. O novo jogo irá também manter a sua utilização exclusiva da competição de clubes da Liga dos Campeões da UEFA, com outros torneios a serem anunciados brevemente.

Serão revelados mais detalhes acerca do conteúdo do PES 2014, incluindo elementos online completamente novos, mas o novo jogo representa um verdadeiro salto qualitativo em relação àquilo a que os fãs de futebol estão habituados.

O PES 2014 será lançado em 2013 para PlayStation 3, Xbox 360, Windows PC e PlayStation Portable.

Artigos Relacionados

Close