Análises

Dead Nation: Apocalypse Edition

Mais que um top down shooter com mecânicas simples e divertidas que se aproveitava do pico da febre zombie, Dead Nation foi um ponto de viragem na vida da Playstation 3. Após uma falha de segurança que fez com que milhões de contas de utilizadores fossem roubadas e a um período de downtime considerável, a Sony anunciou a iniciativa Welcome Back.  Entre pedidos de desculpas, compensação dos utilizadores e uma espécie de redenção pelos erros cometidos, a Sony soube dar a volta ao texto, conseguindo sair de cabeça erguida da situação e reforçando a base de utilizadores do seu então estreado serviço Plus.

Entre as diversas ofertas do programa Welcome Back, estava Dead Nation da finlandesa Housemarque. Lançado com relativo sucesso alguns meses  antes da malfadada quebra de segurança da Playstation Network, Dead Nation aproveitou esta oportunidade para aumentar exponencialmente a sua base de utilizadores e reforçar a sua vertente cooperativa.

DNAE-010_1393583876Avancemos quatro anos e temos um novo Dead Nation, desta vez na Playstation 4, também como oferta para os subscritores do serviço Plus. Bom, chamar-lhe “novo” talvez seja um exagero, esta Apocalypse Edition é a versão “revista e aumentada” do  Dead Nation que tão bem conhecemos. Melhor grafismo, resolução superior e o DLC Road to Devastation incluído acabam por ser uma excelente desculpa para regressarmos, sozinhos ou acompanhados, aos cenários apocalípticos  de Dead Nation, tentar reunir o maior número de loot possível e aumentar as nossas capacidades bélicas.

Na sua anterior encarnação, Dead Nation possuía um curioso metagame onde os resultados de todos os jogadores à escala mundial eram agrupados num mapa-mundo que retratava os avanços e recuos da epidemia zombie consoante os resultados dos jogadores de cada país, Apocalypse Edition não foge a essa regra e continua a oferecer essa funcionalidade, ao mesmo tempo que reforça a componente social de Dead Nation, transportando e moldando a jogabilidade a uma das mais interessantes tendências gaming, o streaming através de plataformas como o Twitch ou o UStream. Dead Nation: Apocalypse Edition aproveita essa tendência de forma bastante inteligente, permitindo aos espectadores de qualquer uma dessas plataformas controlar os destinos do jogador através de comandos simples que facilitam ou dificultam a vida dos jogadores.

Dead Nation: Apocalypse Edition pode não trazer nada de (muito) novo para quem o jogou na sua versão Playstation 3, mas isso não quer dizer que deixe de ser uma excelente aposta que, com alguma nostalgia, nos transporta para um passado recente onde sozinhos ou acompanhados, combatemos hordas de zombies sedentos de sangue. Isso não pode ser mau, pois não?

Artigos Relacionados

Ver Também

Close
Close
Close