Análises

LocoRoco Remastered

A bolha gelatina amarela está de volta

Versão testada: PlayStation 4 Pro

LocoRoco Remastered como o nome do jogo indica, trata-se de um Remastered de um jogo da PSP que saiu no dia 23 de Junho de 2006. Foi desenvolvido pela SCE Japan Studio, publicado pela Sony Computer Entertainment e criado pelo designer Tsutomu Kouno, que trabalhou no desenvolvimento do jogo Ico para a PS2.

LocoRoco trata-se de um jogo de plataformas, que consiste em controlarmos uma bolha gelatina amarela que tem como nome “Kulche” (LocoRoco). Kulche e os seus amigos Mui Mui viviam pacificamente no planeta faraway, ajudando a crescer a vegetação e olhar pela natureza, fazendo com que o planeta fosse um lugar agradável de se viver, brincando e cantando… até aparecerem as tropas Moja (que vêm de outro espaço) que puseram o planeta de pernas para o ar. Kulche vai ter que derrotar as tais tropas e salvar os restantes LocoRoco’s.

O jogo é dividido por 5 mundos que consiste em 8 níveis, sendo a meta chegar ao ponto final do nível. Cada vez que acabamos um nível, é apresentado uma scoreboard que mostra o número de LocoRoco’s que obtiveste e o tempo que demoraste a completar o nível, entre outros factores. Há vários tipos de nível, desde níveis nas selvas, níveis nas árvores, níveis na neve e gelo, etc. Em alguns níveis durante o início, vamos encontrando e desbloqueando outras espécies de LocoRoco’s (6 no total) ambos com aspecto, cor e voz musical diferentes… e sim, são jogáveis.

Sobre a jogabilidade, para controlarmos o LocoRoco, vamos ter que balancear o planeta através dos botões L1 e R1 ou do sensor do comando e para fazê-lo saltar, temos que segurar e soltar ambos os botões (L1 e R1). No começo do nível, o jogador começa sempre com um LocoRoco, quando come uma baga (há 19 bagas em cada nível), aumenta o tamanho. O LocoRoco também pode dividir-se em vários pequenos LocoRocos através do botão O para ultrapassar obstáculos estreitos e para voltarmos ao normal, basta manter o dedo no botão O. Como não podia deixar de ser, em quase todos os níveis à inimigos (ex: Moja) e outras armadilhas sempre prontas para magoar ou comer os nossos LocoRoco’s, sendo que, à excepção de uma ou outra armadilha, há um limite de tempo para recuperar os nossos LocoRoco’s após termos ido parar a alguma armadilha ou termos sido apanhados por algum inimigo. Para destruir os nossos inimigos, temos que atingir ou saltar para cima deles.

Durante os níveis, há áreas que requerem 5, 10 ou 15 LocoRoco’s a fim de causar a cantoria deles e como recompensa, recebemos itens para a Loco House ou desbloqueamos certos obstáculos que nos levam para outras áreas que têm bagas, Mui Mui’s ou outras Coisas. Os níveis contém também uma coisa que se chama Pickories que podem ser coleccionados e que podem ser gastos (ao estilo das máquinas arcade) nos mini-jogos. Existem vários tipos de mini-jogos (3 no máximo), ex: desde o Mui Mui Crane bem ao estilo das máquinas Claw Cranes ou o Chuppa Chuppa, tratando-se de uma espécie ou ser vivo que pode lançar ou atirar o LocoRoco para o ar e alcançar certos obstáculos. Em ambos os mini-jogos, o jogador recebe itens para a Loco House e Pickories. Falando na Loco House… existe um Loco Editor, que trata-se de ser um curso interactivo com um start e um finish usando os itens que obtivemos.

Sobre os pontos positivos, graficamente é cheio de cores vivas e bem bonitas (fazendo-me lembrar o jogo Hohokum da Santa Monica Studio), nem parece ser um jogo de 2006, a soundtrack apesar de ser um bocado infantil é muito boa, como por exemplo a música “LocoRoco’s Song [Blue Version] ou o “LocoRoco’s Yellow Theme”, já para não falar que o jogo é divertido e original.

Pontos negativos… após o jogador saber balancear o planeta, saltar, dividir e juntar os LocoRoco’s, a jogabilidade torna-se um bocado repetitiva e como já disse, a inclusão do balanceamento no sensor do comando acaba por atrapalhar (quando tentamos ultrapassar este ou aquele obstáculo) ao utilizador que estiver a utilizar os botões L1 e R1, se estiver com o comando na horizontal, mas isto são problemas pequenos que facilmente são abafados pelos pontos positivos e acreditem que vale a pena o jogo.

Conclusão, para quem gosta de jogos originais e imaginativos ao estilo do LittleBigPlanet, Tearaway Unfolded, Hohokum, etc. recomendo imenso este jogo, LocoRoco Remastered vale cada cêntimo, 14,99€ para os não membro da Plus e 11,99€ para os que são membros da Plus.

 

Nota editorial: Foi-nos fornecida uma cópia deste jogo pela PlayStation para efeitos de análise

Veredito

Nota Final - 9

9

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ver Também

Close
Close