Análises

SNK Heroines: Tag Team Frenzy

Agora com mais 100% de estrelas.

Versão testada: PlayStation 4 Pro

Eu jogo títulos de luta desde os tempos do Street Fighter 2 na Mega Drive e já vi imensos estilos diferentes, mas confesso que SNK Heroines: Tag Team Frenzy é… único. Toda a apresentação e mote para este título difere em tudo ao que estou habituado no género, pois é muito, e nem acredito que vou usar este termo, kawaii. Um aspecto muito colorido e vibrante, muitos corações, estrelas e flores a saltar em cada golpe, e música acabada de sair de uma opening de um anime, são uma constante em todo o jogo.

SNK Heroines: Tag Team Frenzy é um jogo de luta em formato 2 vs 2 só com waifus, quero dizer, personagens femininas do universo SNK. Estas lutadoras foram raptadas e colocadas numa outra dimensão e são forçadas a lutar entre si, enquanto usam roupas cliché. Quem perder os duelos verá a sua energia retirada e transferida para uma estranha estátua, com o intuito de unir esta dimensão com o mundo real. Mas quem será o culpado desta situação? É isso que vão descobrir no modo história, que também é o modo Arcade.

Como disse, os combates têm um formato 2 vs 2, mas estão presentes algumas mecânicas diferentes das outras ofertas. Uma dessas mecânicas está associada com a energia usada para realizar ataques especiais. Há medida que se vai gastando essa energia, o ataque da personagem vai descendo, e a única forma de a recuperar, é metê-la no banco e chamar a segunda lutadora para a acção. Isto incentiva a uma maior troca entre membros da equipa e acrescenta também um elemento táctico. A outra mecânica é o uso de itens. Sim, itens que podemos usar durante os combates para atrapalhar o adversário. Isto também oferece o tal elemento táctico, mas se preferirem, podem desligar o uso de itens nas opções.

De resto, o sistema de combate é acessível e focado na mobilidade. Existe um botão para ataque fraco, médio e forte, e um usado para realizar ataques especiais. A defesa está associada ao seu botão especifico, no caso da PS4 é o L1. Pressionar este botão mais frente ou trás permite realizar desvios, de maneira a que possamos gerir bem a distância para com o adversário e criar mixups para abrir as suas defesas. De referir que também existem air dashes. Tudo junto resulta numa jogabilidade divertida e com diversas opções, mas sem ser super complicada. Provavelmente, o mais complicado é a adaptação a um botão de defesa, ao invés de simplesmente carregar para trás, mas isso é apenas uma questão de memória muscular.

Em termos de conteúdo, SNK Heroines: Tag Team Frenzy é um misto. Se por um lado tem os modos básicos esperados, como o Versus e o Survival, por outro, sente-se a falta de algo mais. O modo Arcade é curto e apenas existem 14 personagens, custo de estar limitado a esta temática. Comparativamente a outros títulos do género, existe aqui pouca substância, conseguindo até rivalizar com o conteúdo disponível no lançamento de Street Fighter V. Em termos de online, não notei problemas de maior nas partidas que fiz mas, tal como noutros departamentos, é demasiado básico, pois não existem Ranked Matches nem leaderboards.

Dito isto, o jogo permite personalizar as personagens. Cada uma das lutadoras apresenta dois fatos alternativos. Se não gostam dos fatos principais aqui usados, podem fazer combates offline ou online para ganhar Gold e assim adquirir os seus fatos tradicionais. Além disso, também podem personalizar as personagens com dezenas de acessórios diferentes como orelhas de gato, asas de anjo ou caudas de raposa. Adicionalmente, também é possível comprar artwork ou diferentes vozes de sistema. A nível gráfico, SNK Heroines: Tag Team Frenzy corre a 60 fps constantes na PS4, e apresenta uma fidelidade visual semelhante à do King of Fighters XIV após as melhorias gráficas. Comparado com a concorrência, fica algo aquém neste departamento.

SNK Heroines: Tag Team Frenzy é um jogo de luta divertido e com um combate rápido, que consegue apresentar alguma ideias interessantes. No entanto, há que considerar a longevidade actual oferecida e o facto de ser algo básico quando comparado com outras ofertas no mercado. Numa altura em que a competição é enorme dentro deste género de jogos, SNK Heroines: Tag Team Frenzy precisava de oferecer algo de mais entusiasmante e, infelizmente, não conseguiu fazê-lo.

Nota editorial: Cópia fornecida pela editora para efeitos de análise

Veredito

Nota Final - 7

7

SNK Heroines: Tag Team Frenzy é um jogo de luta 2 vs 2 divertido, mas demasiado simplista face à oferta actualmente disponível no mercado.

User Rating: Be the first one !
Close
Close