Análises

The LEGO Movie 2 Videogame

Partido num monte de peças.

Versão testada: PlayStation 4 Pro

Não é a primeira vez nem vai ser a última que iremos ver jogos baseados em filmes. Alguns tiveram sucesso e outros nem por isso. Infelizmente este jogo pertence ao último grupo. E após o filme The LEGO Movie 2: The Second Part ter saído há quase um mês, eis que chega o The LEGO Movie 2 Videogame desenvolvido pela Traveller’s Tales. Personagens como o Emmet, a Lucy ou o Batman estão presentes neste jogo.

Não, por mais estranho que pareça, o jogo não segue mesmo a história do filme. Bricksburg recebeu visitas indesejáveis (invasores alienígenas) que deixou o sítio de pernas para o ar. Agora a Bricksburg transformou-se numa… Apocalypseburg. Cabe ao Emmet e aos outros heróis irem para sítios estranhos do Systar System para poderem salvar os seus amigos e arrumar com esta ameaça de uma vez por todas. O que sinto em relação ao modo história do jogo, sinto que podia ser ligeiramente mais longo e nota-se que foi muito pouco desenvolvido em comparação com o filme devido à quantidade de enredo importante que deixaram para trás.

Tal como a maioria dos jogos LEGO da Traveller’s Tales, trata-se de um Free Mode e não muda muito a fórmula, tanto que The LEGO Movie 2 Videogame usa a mesmo jogabilidade do LEGO Worlds. Visualmente, e sendo eu um fã da marca dinamarquesa, o jogo é bom e representa fielmente o que é a LEGO. Porém, há um cenário estranho durante o Free mode no planeta Systarian Jungle. Se eu tentar “pousar” de uma das imensas árvores com um veículo voador, o jogo mata o boneco e veículo. Sei que a maioria do pessoal vai achar este pormenor inútil ou quase e para mim era uma coisa que devia ser rectificada com uma actualização, porque é não coisa que não faz sentido.

Para além daquilo que eu disse anteriormente, o jogador vai ter que viajar por vários planetas no Systar System ou no Rex-Plorer System para completar quests e sub-quests, apanhar studs, descobrir tesouros, apanhar relíquias, apanhar Master Pieces e construir certos objectos para ultrapassar X obstáculo. Sim podemos construir veículos voadores, carros, motas, barcos, e também podemos construir estruturas, nomeadamente edifícios. Este último, só podemos fazer no planeta Syspocalypstar. Como podem ver, existe muito coisa para fazer.

Temos itens que nos podem ajudar a fazer imensas coisas. Dando alguns exemplos, a Builder Page ajuda-nos a construir certo tipo de coisas como geradores, veículos ou edifícios. O Scanner Binnoculars pode analisar objectos e desbloquear certos caminhos. Os Danger Fists derrubam certas paredes e facilitam a nossa vida contra os nossos inimigos. A Paint Wand pinta não só os cenários dos planetas mas também objectos que não têm vida. O Jet Wings trata-se de um Jet Pack que no qual podemos voar durante um certo tempo.

Existem cinco tipos de relíquias que iremos ao obter ao longo do jogo e que podem ser abertas na Shop de cada planeta: Item Relic, que contém armas, stickers e afins, Character Relic, que contém personagens, Construction Relic, que permite construir edifícios e veículos, Super Item Relics, que contém itens com uma super habilidade e as Mega-Relics, que contém um bundle da Item Relic, Character Relic e do Construction Relic. Se obtivermos um item repetido, ganhamos um Mega-Relic Shard e com cinco delas ganhamos um Mega-Relic. Nas Shops também podemos comprar objectos, armas, personagens, veículos e bundles de Bricks. Esses bundles de bricks, sejam eles laranja, branco ou castanho, por exemplo, são usados para construirmos os variados objectos e veículos. Contudo, importa referir que levei com 2 bugs na Shop que me forçaram a reiniciar o jogo. Tudo isto aconteceu ao ter aberto um Mega-Relic. Não conseguia ver os prémios, nem ir para algum lado.

Por definição, o jogador inicialmente só pode jogar com o Emmet. Mas com o tempo, o jogador vai obtendo mais personagens e vai podendo jogar como o Batman, o Aquaman, a Lucy, o Benny ou a Unikitty. São mais de 100 personagens que o jogador pode utilizar, isto sem contar com a personalização (corpo, braços, mãos, pernas, chapéus, cabelos, cabeças, capas). Conteúdo é coisa que não falta neste jogo da TT. Falando do combate em si do jogo, é extremamente simples e engraçado. Se bem que acho que os bosses deviam ligeiramente mais difícil para tornar a coisa mais desafiante. Mas entende-se que este jogo tenha sido feito para ser acessível para todas as idades.

Em relação às quests do jogo, deixando de lado a história fraca, não tenho grandes razões de queixa. Mas nas sub-quests, há alguma falta de variedade e acaba por ser um bocado aborrecido. Sim, tal como os restantes jogos LEGO da TT, The LEGO Movie 2 Videogame tem um modo cooperativo local, mas podiam ter implementado um Split-Screen dinâmico para facilitar a vida dos jogadores. A banda sonora é razoável e adequa-se ao tipo de jogo. A câmara, como habitual, é trapalhona nos sítios apertados e os loadings são um bocado longos. Em suma, The LEGO Movie 2 Videogame podia ter sido um jogo melhor, mas o desenvolvimento parece ter sido algo apressado. Aqueles que estão fartos da velha fórmula dos jogos LEGO da TT e que esperam novidades neste jogo não as vão encontrar aqui.

Nota editorial: Cópia fornecida pela editora para efeitos de análise.

Veredito

Nota Final - 6

6

The LEGO Movie 2 Videogame é um jogo engraçado para todas as idades, mas o mau desenvolvimento da história e outros aspectos negativos fazem com que este jogo da TT não seja assim tão bom.

User Rating: Be the first one !
Close
Close