Análises

WRC 9

Vroom!! Vrooooooooom!!!

Versão testada: Playstation 4 Pro

Como se não bastasse algumas provas da Fórmula 1 terem sido canceladas por culpa da maldita pandemia da COVID-19, o WRC também sofreu do mesmo problema. Provas como a da Argentina, Kenya, Finlândia, Nova Zelândia e inclusive o Vodafone Rally de Portugal foram vítimas disso. No caso do Chile, por motivos diferentes, já tinha saído muito antes da pandemia começar a ser espalhada. Mas apesar desta situação toda, temos mais um jogo WRC da Kylotonn Games que já saiu da garagem.

Até 2023, os jogos WRC ainda vão ser desenvolvidos pela Kylotonn Games, após isso, a licença passa da Bigben Interactive para as mãos da Codemasters. Mas vamos falar das mudanças neste WRC 9. O rally de Córsega (França), Espanha e o rally da Austrália foram substituídos pelo rally do Kenya, Nova Zelândia e do Japão. Por agora, o rally do Chile ainda não está presente mas em breve será adicionado numa das próximas actualizações para o jogo. E a Citröen pendurou as “rodas” do WRC principal.

Vou falar das poucas (mas mesmo poucas) novidades desta nova edição. A suspensão dos veículos e os cenários receberam umas pequenas melhorias em relação ao WRC 8. Tudo o resto, na minha opinião, continua igual incluindo o sistema de danos. Cuidado com a neve quando não estamos a utilizar pneus de neve. Cuidado com as poças de água quando estamos ir a grandes velocidades e o mesmo vale para os grandes saltos. Temos que ter a atenção ao terreno, que pneus escolher e que afinação correcta utilizar. Na minha opinião, a jogabilidade, que é uma boa mistura entre arcade e simulação, continua no ponto.

Para aqueles que adoram comunidades, WRC 9 tem um Club System onde se pode criar o seu próprio campeonato e competir online com o resto do mundo. Não esquecer os habituais eventos temporários. E como não poderia deixar de ser, também podemos criar ou juntar a uma habitual partida rápida Multiplayer contra os nossos amigos ou contra outros jogadores. Não esquecer que temos vários desafios nas pistas de treino e da manutenção que podemos fazer e um Free Roam, chamado área de testes, para testar os veículos.

A Citröen pode ter saído do WRC principal, mas o Citröen C3 foi incluído no jogo como carro bónus (tal como o Porsche 911 GT3 RS R-GT e o Proton Iriz R5). No WRC principal, continuamos a ter carros como o Toyota Yaris WRC, Hyundai i20 WRC e o Ford Fiesta WRC. E é claro, carros WRC 2 e 3 como Skoda Fabia R5, Volkswagen Polo R5, Hyundai i20 R5, Citröen C3 R5 e o Ford Fiesta R5 estão presentes, assim como o Ford Fiesta R2 no Junior WRC. Positivamente o jogo oferece mais carros extra (os lendários e os bónus) em comparação com o WRC 8. Lancia 037, Audi quattro A2 1984 (DLC), Toyota Corolla 1999 (DLC), Citröen Xsara 2005, Ford Focus RS 2007, Ford Escort Mk II RS1800 e o Alpine A110 Berlinette 1970s juntam-se ao Lancia Fulvia HF, Lancia Stratos, Lancia Delta HF Integrale Evoluzione e ao Volkswagen Polo R WRC 2016.

Graficamente WRC 9 é igual ao motor do WRC 8. Nada de espantar neste capítulo. E também, como é de esperar, os 30 FPS deste WRC 9 perdem para os 60 FPS do DiRT Rally 2.0. Quem sabe se teremos 60 FPS quando sair para a PS5 e para Xbox Series X. Apesar disto tudo, WRC 9 oferece cenários bonitos. Quanto ao modo carreira do WRC 9, continua igual ao do WRC 8. Honestamente, sou adepto do “não se mexe naquilo que está bem”, mas mesmo assim podia e deviam ter feito alguma smelhorias ou adicionar algo. Talvez a pandemia tenha trocado ás voltas ao estúdio e tenha sido essa a razão. Mesmo assim, continua dar dez a zero à campanha do DiRT Rally 2.0. Mas eu vou explicar o modo carreira deste WRC 9 para aqueles que nunca chegaram jogar a do jogo anterior.

Inicialmente temos duas opções, escolhemos a categoria Junior WRC ou a categoria WRC 3/ 2. Teremos imensas coisas para fazer, organizar eventos como treinos, repouso, corridas em condições extremas, corridas históricas, manutenção e o mais importante de todos, os ensaios de fabricantes. Contratar membros como meteorologistas, engenheiros, mecânicos, directores financeiros, agentes e fisioterapeutas também é algo necessário, assim como pagar contas após um rally. Utilizar skill points (através dos level up) na árvore R&D que está dividida em quatro categorias: Team, Crew, Reliability e Performance. Um exemplo, podemos utilizar um perk que nos permite contratar fisioterapeutas. Voltando aos ensaios de fabricantes, isto é muito importante porque temos a possibilidade de passarmos para a próxima categoria. Se tivermos sucesso nesses ensaios, inevitavelmente a moral da equipa da marca actual em que estamos irá baixar, e depois, temos um desafio final que determina se iremos receber um contrato pela outra marca ou não.

Não esquecer das sempre fantásticas chuvas dinâmicas que foram introduzidas no WRC 8 e que continuam presentes neste WRC 9. Um exemplo, no início de algum rally pode estar a chover e no fim desse rally pode estar com sol. Os sons dos veículos continuam muito bons. Em suma, WRC 9 continua muito bom, mas sofre de falta de novidades no modo carreira. Caso o utilizador comum estiver a fazer esta pergunta: valerá a pena comprar este WRC 9 após já ter tido o WRC 8? Depende do alvo. Se o alvo for para os eventos da comunidade, multiplayer e afins: Sim. Se o alvo for o modo carreira: Não. Para os novatos na série, WRC 9 é um título obrigatório.

Nota editorial: Cópia fornecida pela UpLoad Distribution para efeitos de análise. Este artigo foi feito após a actualização 1.03.

Veredito

Nota Final - 8

8

WRC 9 continua muito bom, apenas peca pela falta de novidades no modo carreira e por ser muito similar ao WRC 8.

User Rating: 1.18 ( 4 votes)
Botão Voltar ao Topo